Ponto do Autor: espaço promove reencontro do público com escritores paraenses


Reconexão do público leitor com os livros e seus autores gerou momentos revigorantes no Ponto do Autor

Ao longo dos últimos dias, a 24ª Feira Pan-Amazônica do Livro e das Multivozes foi um local de reconexão do público leitor com o livro e seus autores. Um dos espaços que garantiram esse reencontro foi o Ponto do Autor, dedicado à comercialização e autógrafos de obras de escritoras e escritores paraenses. 

Neste sábado (04), o estande recebeu 28 autores -  entre eles, Monique Malcher, que venceu o Prêmio Jabuti 2021 na categoria Contos com o livro “Flor de Gume”. Para ela, a Feira trouxe uma oportunidade de viver a experiência do lançamento presencial, que não ocorreu por conta da pandemia. 

“É muito emocionante estar aqui hoje, porque além de encontrar leitores e leitoras, pude rever também outros autores que são amigos nessa caminhada. Lancei o livro há dois anos, no começo da pandemia, então tudo isso tem uma energia muito positiva pra mim. Na época, não tive sessão de autógrafos nem lançamento. Estou vivendo isso agora, com um efeito rebote. Fico feliz e também assustada positivamente com a procura pelo livro. É incrível ver o público indo atrás do que é produzido por paraenses, isso mostra o quanto os leitores reconhecem a qualidade da nossa literatura”, frisou Monique.

Monique Malcher, vencedora do Prêmio Jabuti 2021 na categoria Contos, foi uma das autoras que recebeu leitores no espaço

Em setembro deste ano, o escritor Thiago Kazu lançou seu primeiro livro, “Meu Corpo nos Teus Grãos”, uma publicação independente que reúne poemas escritos durante os últimos anos e que retrata o corpo e a cidade de Belém, onde vive o autor. 

“Eu não tinha identificado isso antes, mas parece que para os leitores é meio óbvio: o livro destaca a questão do corpo e de como ele se molda, reivindica e busca pertencimento. Outro tema importante é a cidade onde esse corpo se insere. Belém está muito retratada aqui, com a sua urbanidade, suas ruas. Então é um livro bem geral e acho que essa é a característica dos primeiros livros de todos os novos autores”, pontuou Thiago.

Com uma publicação cuidadosamente produzida e encadernada de forma artesanal, o escritor também recebeu o público com uma sessão de autógrafos na tarde deste sábado (04). 

“Eu fico muito lisonjeado e surpreso por ter recebido tantas mensagens e apoio, além de ver as pessoas divulgando e comprando o livro. Estou muito feliz e honrado por estar ao lado da Monique, uma grande amiga que conheço há anos e hoje é laureada com o Prêmio Jabuti. É um momento de muita felicidade para mim”, revelou.

A estudante Agatha Rafaele, de 21 anos, foi uma das leitoras que marcou presença no Ponto do Autor para ter seu exemplar autografado por Thiago e contou como foi a experiência de conhecer o criador da obra. 

Visitantes da Feira podem conhecer escritores, pegar autógrafos e até bater papo sobre as obras com os artistas

“Quando li os poemas dele, senti muita paz espiritual. Acho que naquele momento eu precisava ter mais contato com a literatura paraense e foi uma sensação incrível. Eu queria conhecer ele pessoalmente, então aproveitei que ele estaria na Feira hoje e vim também”, contou.

Encerramento

Na manhã de domingo (05), último dia de Feira, serão autografados no Ponto do Autor o livro de poesia "As Aventuras de Japiim em Prosa e Verso", de Marcos Almeida; e as obras infantis "Euterpia no Reino do Açaizais", de Rachel Valentim; "Cor de Pele?", de Humberto Baia; "A Criança que queria Todas as Profissões", de Elis Nunes; "O Menino no Espaço", de Noah Maués; "A Sereia Líria no Fundo do Mar", de Maitê Nunes em coautoria com Elis Nunes; "O Saci Amazônico", de Adão Almeida; "Janjão e o Pé de Feijão", de Cezamar Oliveira; "Quem tem Medo de Matinta" e "A Porca de Bobes", de Airton Souza.

A partir de 12h30, o público poderá prestigiar o trabalho dos autores Simone Jares, Daniel da Rocha Leite, Francy Botelho, Octávio Pessoa, Rodolfo Marques, Skyyssime, Wellington Ruan, Adrian V., Livea Colares, Eduarda Sena, Roseli Souza, Andrei Simões, Josh, Renan Farias, Maria Betânia, Ítalo Miranda, Carol lima e Felipe Sali. 

Entre os títulos, haverão obras infantojuvenis, histórias em quadrinhos, publicações acadêmica, livros com a temática LGBTQIA+, romances, crônicas, contos, poesia, fantasia, autoajuda, biografia e memórias. Até o final da programação, terão passado pelo local mais de 80 autores.

Texto: Thais Siqueira (SECULT)

05/12/2021 10h33 - Atualizada em 05/12/2021 16h05
Por Comunicação (Feira do Livro)