Arraial do Pavulagem traz legião de fãs ao penúltimo dia da 26ª Feira Pan-Amazônica do Livro e das Multivozes

Mais de 90 mil pessoas visitaram a Feira neste sábado


Neste sábado (16), dia das vozes do Autor Paraense, a 26ª Feira Pan-Amazônica do Livro e das Multivozes bateu recorde de visitação em um único dia, mais de 90 mil pessoas foram ao Hangar prestigiar a literatura e a cultura paraense. Para encerrar a noite, o Arraial do Pavulagem trouxe suas fitas coloridas e ritmo contagiante para a Arena Amazônia. Com 36 anos de história levando uma multidão às ruas de Belém, o Pavulagem é considerado uma das mais importantes manifestações de cultura popular do Estado. 

Entre os princípios do Pavulagem, além da valorização, preservação e celebração da cultura popular, também está a democratização do acesso à arte e ao lazer. Toda programação e as oficinas pré-arrastão são gratuitas. O show iniciou às 20h, com repertório repleto de ritmos como carimbó, quadrilha, xote e toada de boi, entre outros. O grupo atualmente formado por Ronaldo Silva, Júnior Soares, Marcelo Fernandes, Rafael Barros, Frank Silva e Wesley Jardim possui nove álbuns gravados e muitos sucessos que conquistaram uma legião fiel de fãs. 

“A cultura popular é um pouco desprivilegiada, deveria estar na escola, em mais órgãos e instituições sendo supervalorizada. E a Feira Pan-Amazônica do Livro e das Multivozes traz a cultura popular para a berlinda, prestigiando os nossos mestres e mestras. E especialmente hoje, mostrando a diversidade cultural imensa do Pará, valorizando os nossos escritores. Como professor, me sinto privilegiado de poder sempre citar esses escritores, inclusive os homenageados da feira, a Heliana Barriga e o Salomão Larêdo, tento sempre amplificar essas maravilhas que o Pará produz”, conta o guitarrista do Pavulagem e professor de artes, Marcelo Fernandes.

Ilka Dias, aposentada, chegou cedo na sua segunda visita à Feira, especialmente para prestigiar o Pavulagem. “Já vim antes na Feira pra ver os livros, visitar os estandes e hoje para trazer minha neta e ver o Arraial do Pavulagem que é tudo de bom, é alegria, felicidade, transmite muita positividade, paz. Eu amo” .

Cassiano Lobato, músico saxofonista, faz parte do Batalhão da Estrela do Arraial. “A gente não vai perder essa oportunidade de prestigiar o Arraial do Pavulagem aqui na Feira do Livro, um espaço que abre portas para muitas pessoas, e nessa vertente da música, da arte, representa uma valorização da cultura local muito importante. A nossa região é rica em diversidade cultural e ver a nossa cultura popular aqui dentro é muito bom”, comenta o músico. 

Parceira de longa data do projeto, a Equatorial Pará patrocinou o show que se tornou um pequeno arrastão dentro do Hangar, com os brincantes do Arraial com seus chapéus de fitas e roupas coloridas. Muitas crianças também estiveram presentes e curtiram o show que finalizou o dia em grande estilo.

17/09/2023 00h05 - Atualizada em 17/09/2023 09h03
Por Comunicação (Feira do Livro)